Cantai ao SENHOR

Hinos que falam a linguagem do Cristianismo Histórico

Come, Thou Fount of Every Blessing

42

Certos hinos marcam.

Comunicam bênçãos eternas. Dá prazer em cantar e em ouvir o povo de Deus exaltando o Nome Preciso e acima de todos os nomes, nos Céus e na Terra. Eles anunciam o “evangelho da graça de Deus” (At. 20.24).

Com o desejo de ampliar o conteúdo do BLOG CAVALEIRO VELOZ, dediquei atenção ao belíssimo hino Come, Thou Fount of Every Blessing. Fazia tempo que o ouvi pela primeira vez, apenas orquestrado. Mas o nome do hino falou ao meu coração, e me dizia do apelo do letrista buscando a Fonte de Toda Bênção. Neste contexto o imaginei cristão fervoroso, conhecendo em Deus o Único capaz de nos suprir de todas as bênçãos espirituais em Cristo Jesus.

(more…)

Purifica-te, meu coração…

5

Como está escrito (Mt. 27.57-61):

“Caindo a tarde, veio um homem rico de Arimatéia, chamado José, que era também discípulo de Jesus. Este foi ter com Pilatos e lhe pediu o corpo de Jesus. Então, Pilatos mandou que lho fosse entregue. E José, tomando o corpo, envolveu-o num pano limpo de linho e o depositou no seu túmulo novo, que fizera abrir na rocha; e, rolando uma grande pedra para a entrada do sepulcro, se retirou. Achavam-se ali, sentadas em frente da sepultura, Maria Madalena e a outra Maria.”

(more…)

O cântico congregacional

2

As santas e transcendentes verdades das Escrituras é que devem aparecer na adoração comunitária, enquanto os justificados mediante a fé em Cristo Jesus e feitos filhos de Deus exaltam a compaixão, a grandeza, a misericórdia, o Nome e os feitos do SENHOR.

Devemos cantar a “doutrina dos apóstolos” (At. 2.42) e diligenciarmos na escolha dos louvores ao Altíssimo Deus. Deste modo, o cântico congregacional é de grande importância, devendo espelhar a comunidade eclesial como instrumento de poder e transferência de valores.

(more…)

Exaltação

2

Bendito seja o Teu Nome, ó SENHOR, por tua graça e misericórdia; por tua força e pelo teu poder; pois abates a quem quiseres abater e exaltas a quem quiseres exaltar.

Tu derrubas e estabeleces, tornas em nada os desejos vãos dos homens e os poderosos da terra passam a ser como excrementos.

(more…)

Abide With Me

2

 

“Fica conosco, porque é tarde, e o dia já declina. E entrou para ficar com eles.” Lc. 24.29

Escocês de origem, Henry Francis Lyte (1793-1847) era filho de um oficial da Marinha e desde sua infância amava o mar. Ele desejava ser médico mas resolveu dedicar sua vida ao ministério cristão. Então, assumiu seu compromisso como ministro anglicano e assim permaneceu por vinte e quatro anos à frente da igreja que pastoreava. Era um poeta cristão e escreveu vários hinos que foram traduzidos para outras línguas.

(more…)

Ao Deus De Abrão Louvai

2

A antiga canção hebraica Yigdal, bem conhecida dos cristãos, nos vem à lembrança: AO DEUS DE ABRÃO LOUVAI.

Letra atribuída a Daniel Ben Juda Dayyan, Século XV (hebraico), com tradução para o inglês por Meyer Lyon, cantor da sinagoga londrina. O Rev. Robert Hawkey Moreton (1844-1917) traduziu para o português as estrofes que aparecem nos nossos Hinários, por exemplo: Cantor Cristão (14), Hinário Evangélico (105); Hinário Luterano (209); Hinário Para o Culto Cristão (14); Salmos e Hinos (232) e em outras coleções.

(more…)

Eu e o Meu Tambor

55

 

“O homem que toca o tambor não tem idéia até onde o som chegará.” (1)

A anunciação do nascimento de Jesus, as milícias celestiais exultantes em júbilo, os pastores correndo pelos campos e rompendo cercas (2) em direção à estalagem onde estava o Infante Real… Eis o cenário de antigas e poderosíssimas profecias em curso inerrante, como está escrito (Gl. 4.4-5 – ênfase nossa):

“Vindo, porém, a plenitude do tempo, Deus enviou seu Filho, nascido de mulher, nascido sob a lei, para resgatar os que estavam sob a lei, a fim de que recebêssemos a adoção de filhos.”

(more…)

A minha alma engrandece ao Senhor

16

A expectativa e proximidade da época natalina nos levam, especialmente, às narrativas evangélicas de Mateus e Lucas.

Algo aconteceu no espírito, alma e corpo (nesta ordem) da jovem Maria a ponto de se expressar alegre, confiante e profeticamente. A fé que opera pelo amor está notavelmente presente em sua profecia. As fontes da salvação jorram água pura sobre ela.

(more…)

Go to Top